ALAGOAS

Governador garante instalação de unidade da Embrapa em Alagoas

Texto de Kelly Cordeiro

O governador de Alagoas, Renan Filho, assegurou total apoio para a instalação da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) no Estado, durante a apresentação do projeto da Unidade de Pesquisa Agroalimentar de Alagoas, no Palácio República dos Palmares, nesta quinta-feira (8).

 

“O Estado dará integral apoio para a instalação da Embrapa, arrumando um terreno adequado e até recursos, caso a empresa precise desse suporte no primeiro momento para se instalar. Faremos o que for possível para trazer a Embrapa para Alagoas”, afirmou.

O projeto foi apresentado pelo pesquisador da Embrapa em Brasília João Flávio Veloso. A unidade está orçada em R$ 45.815.000,00, e deve ser construída em Maceió, em quatro anos, com o apoio de parceiros nacionais e internacionais que já se mostraram interessados nesse investimento.

 

O pesquisador destacou algumas características que contribuem para a instalação da unidade em Alagoas. Uma delas é a composição do Produto Interno Bruto (PIB) que é calcada em serviços, tendo a gastronomia como um dos maiores tomadores desse setor. Outro ponto é a estrutura fundiária singular com maioria formada por pequenos produtores que podem ter o suporte técnico de instituições como a Universidade Federal de Alagoas (Ufal) e Instituto Federal de Alagoas (Ifal). Aliado a isso, tem ainda a diversidade da agricultura alagoana.

“Aqui nós temos que gerar produtos mais sofisticados a partir da agricultura. Alagoas está perto dos portos, tem um setor de turismo e alimentação fortíssimo, pulsante, crescente e uma capacidade de agregar valor com essa diversidade cultural imensa”, acrescentou.

 

Para definir os detalhes da unidade, a empresa ouviu diversas lideranças do setor sobre as principais cadeias produtivas e desenvolveu um modelo de integração institucional específico para lidar com essa diversidade. O secretário de Estado da Agricultura, Pecuária, Pesca e Aquicultura, Antônio Santiago, destacou a contribuição desse centro de pesquisa para o fortalecimento da agricultura em Alagoas.

 

“Essa unidade de pesquisa tem como missão desenvolver estudos e tecnologias para agregar valor a produtos como leite, mandioca, cana-de-açúcar, aproximando essas culturas da gastronomia e do turismo, que são setores muito fortes no Estado. A chegada da Embrapa vai nos ajudar a avançar nesse campo”, disse.

A instalação da unidade foi reivindicada pelo governador em 2015 e aprovada pelo governo federal em fevereiro de 2016. No mesmo mês, uma comissão de pesquisadores da Embrapa foi enviada ao Estado para realizar um estudo sobre as potencialidades a serem exploradas pela empresa. Uma das premissas adotadas pela comissão foi a tendência de mercado global, observada nas cinco maiores economias do mundo, com a demanda por alimentos funcionais, ou seja, aqueles enriquecidos com aditivos – como vitaminas, fibras e minerais dietéticos – que contribuem para a manutenção da saúde e a redução de risco de doenças.

 

O governador Renan Filho também espera poder contar com a ajuda da Embrapa para encontrar alternativas para o setor sucroalcooleiro que passa por uma forte crise.

 

“Vamos tentar reconstruir esse setor que, a meu ver, é uma das formas mais rápidas de aumentar o PIB porque as outras cadeias, como turismo e comércio, estão crescendo, mas se a gente fizer o setor sucroalcooleiro voltar a produzir parte do que ele já produziu, a gente vai fortalecer empregos e facilitar o crescimento econômico a curto prazo. E o papel da Embrapa nesse processo é fundamental”, finalizou.

 

Estiveram presentes na apresentação secretários de Estado, produtores rurais, os reitores da Ufal e do Ifal, deputados estaduais e autoridades do setor de agricultura, além do chefe geral da Emprapa, Manuel Macedo e do superintendente do Ministério da Agricultura, Alair Correia.

Artigos relacionados
ALAGOAS

Setur promove turismo de eventos com a Liga Mundial de Surfe, em Marechal Deodoro

Promovendo o turismo de eventos e fomentando a prática esportiva no estado, a Secretaria de Estado do Turismo de Alagoas…
ALAGOAS

Visita técnica inicia trabalho colaborativo para requalificação da Serra da Barriga em União dos Palmares

Uma equipe representando diversos órgãos do Governo Federal, Governo de Alagoas, Prefeitura Municipal e Universidade Federal de Alagoas (Ufal) deu…
ALAGOAS

Crédito do Trabalhador: um ano de conquistas para os microempresários do turismo alagoano

Uma das principais atividades econômicas do estado, sinônimo de transformação social através da geração de emprego e renda, o turismo…

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *




Enter Captcha Here :