DestaquesNotícias

IATA vai lançar aplicativo com ficha de saúde do passageiros nos aeroportos

A IATA planeja lançar um aplicativo no início do próximo ano que exibirá dados de saúde dos viajantes como parte de seu esforço para abrir o mercado internacional de viagens durante a pandemia Covid-19.

O aplicativo, que se chamará IATA Travel Pass, permitiria que os profissionais de saúde carregassem com segurança os resultados dos testes e certificados de vacinação da Covid para a conta de um usuário, ao mesmo tempo que vinculava esses documentos à identidade do viajante para evitar uso indevido. Por meio do aplicativo, os usuários exibiam esses documentos para companhias aéreas e aeroportos para facilitar a viagem.

De forma geral, o aplicativo servirá para permitir que os passageiros tenham suas credenciais de saúde verificadas de maneira transparente, seja por meio de um simples clique no aplicativo ou por meio de um código QR que seria lido pelas autoridades aeroportuárias.

“Hoje as fronteiras estão duplamente bloqueadas. Os testes são a primeira chave para permitir viagens internacionais sem medidas de quarentena”, explicou o diretor-geral da IATA, Alexandre de Juniac, em comunicado. “A segunda chave é a infraestrutura de informação global necessária para gerenciar, compartilhar e verificar com segurança os dados de teste correspondentes às identidades dos viajantes em conformidade com os requisitos de controle de fronteira. Esse é o trabalho do IATA Travel Pass.”about:blank

O aplicativo está programado para lançamento no Apple iOS no primeiro trimestre de 2021 e no Android no segundo trimestre, disse Alan Murray Hayden, chefe da IATA para passageiros de aeroportos e produtos de segurança, durante uma conferência de imprensa virtual na segunda-feira. O aplicativo será gratuito para os usuários; as companhias aéreas pagarão uma pequena taxa por passageiro à IATA.

IATA Travel Pass será semelhante ao CommonPass da Commons Project Foundation, um passe digital de saúde que foi desenvolvido em cooperação com o Fórum Econômico Mundial, 37 países, o CDC e a Alfândega e Proteção de Fronteiras dos EUA.

Hayden disse que a IATA trabalhará com outros provedores e está desenvolvendo o Travel Pass para abrir a indústria de viagens, ao invés de competir.

“Quando ninguém está voando, ninguém está ganhando”, disse ele.

O Travel Pass fará uso da tecnologia blockchain para que os centros de teste possam compartilhar documentos diretamente com os usuários. Os dados do cliente não serão armazenados, disse Hayden.

O recurso de verificação de identidade do aplicativo, que também gerencia os certificados de teste e vacinação, será alimentado pela tecnologia IATA One ID.

Artigos relacionados
Destaques

Ferramenta Amazonas To Go auxilia turistas na hora de garantir presentes regionais

Comprar presentes e souvenirs para família e amigos faz parte da programação de muitos viajantes que querem levar mais que…
Destaques

Praia do Patacho (AL) deve renovar certificação internacional do Selo Bandeira Azul 24/25

A Praia do Patacho, localizada na cidade de Porto de Pedras, no Litoral Norte de Alagoas, apareceu entre as pré-selecionadas…
Destaques

Estreia da sessão gratuita lota Cine Penedo 

Maria Eduarda e Adryan Rodrigues estudam na mesma escola e combinaram de ‘pegar um cineminha’ na quarta-feira, 19, data da…

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *




Enter Captcha Here :