CIA AÉREAS

Voos diretos da Azul já levaram quase 2 mil hóspedes para Transamérica Comandatuba

Imagine uma família que embarca em um voo às 13h no aeroporto de Congonhas, em São Paulo. Pouco mais de duas horas depois, estão todos à beira da piscina, a poucos passos da praia e já desfrutando de uma ampla oferta gastronômica e diversas opções de lazer na Ilha de Comandatuba, no sul da Bahia. Não foi necessário esperar por bagagens na esteira do aeroporto ou recorrer a um transfer de mais de uma hora para chegar a este cenário paradisíaco, mesmo estando localizado a cerca de 400 km de Salvador.

Esta fusão de comodidade, conforto e economia de tempo é a receita da bem-sucedida da parceria entre a Azul Linhas Aéreas e o Transamérica Comandatuba, resultando em uma operação que traz semanalmente cerca de 290 hóspedes de São Paulo e Belo Horizonte. Com voos diretos dos dois destinos para o Aeroporto Una/Comandadtuba (UNA), que fica quase dentro da propriedade do Transamérica, o resort se tornou o segundo destino mais próximo do Sudeste, entre os principais destinos nordestinos, atrás apenas de Porto Seguro.

“A parceria é muito especial para Comandatuba, pois não só resolve o problema de conectividade que a gente tinha, facilitando e ampliando o acesso ao resort, como também é uma experiência diferenciada, em que você pousa no aeroporto e em menos de dez minutos está no hotel. Ela cumpre dois objetivos: aumentar a conectividade e criar uma experiência exclusiva. E quando se fala de pandemia adicionamos um terceiro fator que é não ficar mais de uma hora em um transfer”, destaca Rodrigo Galvão, diretor do Transamérica Comandatuba.

São dois voos semanais, um saindo de Congonhas, às 13h, e outro de Confins (Belo Horizonte) às 14h, sempre aos sábados, com chegadas às 15h e 16h25, respectivamente. Os voos de volta saem às 16h para Congonhas e às 17h25 para Confins, com chegadas às 18h05 e 18h50.

A rota de São Paulo é operada pelo A320neo, aeronave com capacidade para 174 passageiros. De Belo Horizonte, decola o Embraer 190 E1, que transporta até 118 passageiros. “A operação de Comandatuba é muito forte em relação a vendas em São Paulo. Enxergamos este potencial grande e tomamos esta decisão pela capacidade e pelo conforto do A320neo. Essa escolha é relacionada ao potencial desta demanda”, explica, Giulliana Mesquita, gerente de Produtos TudoAzul e Azul Viagens.

A operação iniciou no dia 26 de junho e realizou até o momento 14 voos, sendo sete de cada aeroporto. De acordo com o Transamérica Comandatuba, a rota já contou com aproximadamente 2 mil hóspedes transportados, o que representa uma ocupação de mais de 90%. Para a Azul, o voo ficou acima das expectativas, com uma procura muito superior a destinos similares da malha.

“Essa parceria excedeu nossas expectativas, porque a gente está vendendo o destino quase oito vezes mais do que a gente vendia antes. Foi um golaço nesta questão da experiência, do cliente descer e estar na porta do destino. É um produto diferenciado e atrelar essa experiência de pousar direto no resort passa esta ideia de diferenciação”, ressalta Giulliana.

Artigos relacionados
CIA AÉREAS

TAP lança promoção para a ilha do Sal

A TAP lançou esta semana uma nova promoção que oferece preços desde 249 euros para voos de ida e volta…
CIA AÉREAS

Etihad reforça ligações para Lisboa

A Etihad Airways anunciou que contará com seis voos por semana na rota Abu Dhabi – Lisboa, num reforço que,…
CIA AÉREAS

GOL é premiada como Melhor Serviço de Cabine e Melhor Wi-Fi na América do Sul pela APEX

Com muito orgulho e entusiasmo a GOL Linhas Aéreas recebeu na última quarta-feira (12), em Dublin, dois prêmios significativos para…

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *




Enter Captcha Here :