Cotidiano

Após denúncias, Thiago ML constata descaso, falta de medicamentos e profissionais no Posto de Saúde João Vicente da Silva

“Precisamos de consulta e não tem, exame também não. Faltam medicamentos básicos”, relatou um morador de Arapiraca ao vereador Thiago ML. Essa foi apenas uma das inúmeras queixas de moradores da região ao funcionamento da Unidade Básica de Saúde (UBS) João Vicente da Silva, na Vila Aparecida.

Nessa segunda-feira, Thiago foi pessoalmente ao posto e constatou os problemas descritos pelos moradores. Dentre eles, a falta de medicamentos para hipertensos, dificuldade em marcar exames e consultas, e o atendimento limitado de pacientes por dia. O Programa de Saúde da Família (PSF) obriga que o médico atenda no mínimo 25 pessoas por dia, mas, as denúncias afirmam que a médica do posto atende somente cinco pessoas.

O posto João Vicente da Silva atende há vários sítios da região, dentre eles, Posto da Pedra, Lagoa d´àgua, Minador e Baixo do Capim. São milhares de arapiraquense sofrendo diariamente com o descaso na saúde do município. “Basta uma rápida visita para constatar os inúmeros problemas. É um problema que não pode ser ignorado pela gestão de nosso município”, relatou o parlamentar nas redes sociais.

Há também o curioso caso do consultório odontológico que não possui dentista para atender a população. “A sala só funcionou no dia da inauguração, depois disso permaneceu fechada”, denunciou um dos usuários da unidade ao parlamentar.

De fato, ao visitar o posto, o vereador Thiago constatou que há uma sala equipada para atendimento odontológico, no entanto, sem profissional para realizar as consultas. “Sabemos a dificuldade do povo da Vila em se locomover para o Centro da cidade, e infelizmente, vemos que no posto há equipamento novo, mas sem uso”, lamenta o vereador. 

Uma das funcionárias da UBS confirmou que o posto está há dias sem nenhum medicamento. Hipertensos estão há 34 dias sem conseguir pegar o remédio na unidade.

Muitos moradores se queixam da demora do resultado dos exames. “A saúde está uma decadência em Arapiraca. Minha mãe está há dois meses esperando por um hemograma, uma solicitação simples”, relatou uma moradora a Thiago ML.

Artigos relacionados
Cotidiano

Saída de Severino e Fabiana Pessoa dos Republicanos repercute no meio político

Nos bastidores da política alagoana a saída do deputado federal Severino Pessoa e a secretária de Estado da Assistência Social,…
Cotidiano

Severino Pessoa defende mudança no FNDE que permite conclusão de obras paralisadas

O deputado federal Severino Pessoa saiu em defesa do projeto de Lei 2633/21, que permite aos entes federados repactuarem com…
Cotidiano

Vereadores de Arapiraca cobram fiscalização dos condomínios

Na sessão ordinária desta terça-feira (26), um velho problema de Arapiraca foi alvo de uma intensa discussão por parte dos…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *




Enter Captcha Here :