Cotidiano

Exposição, folclore e teatro abrem programação cultural do Bom Jesus em Penedo

A programação cultural promovida pela Prefeitura de Penedo durante as festividades de Bom Jesus dos Navegantes valoriza artistas e grupos folclóricos locais.

O trabalho desenvolvido por meio da Secretaria Municipal de Cultura, Lazer e Juventude (SEMCLEJ) acontece na orla ribeirinha, com apresentações na Praça Comendador Peixoto – onde também acontece uma feira de artesanato – e a Exposição de Velas no porto das balsas.

O ‘pano’ da canoa de pescadores penedenses é a tela para obras de arte de Marcos Castanha, Dório Feitosa, Karina Michelle e Cícero Tadeu, mais conhecido como Tadeu e seus Bonecos.

Até a noite do próximo sábado, 08, a representação de lendas do rio São Francisco pode ser conferida, de preferência no final da tarde, junto ao pôr de sol, ou durante a noite mesmo, aproveitando a iluminação direcionada para a exposição.

A relação do povo ribeirinho com figuras como o Nego d’Água, o Minhocão, a Mãe d’Água e as tradicionais carrancas também está presente no teatro. O Conta Chico é encenado durante cerca de meia hora pelo Coletivo Cia Flor do Sertão e Margeia.

A produção estreou nesta quinta-feira, 06, e retorna no sábado, 08, nova oportunidade para assistir a peça construída com pesquisa sobre o Rio das Borboletas, alusão às velas coloridas das embarcações que perderam lugar para os barcos a motor.

Conta Chico é costurado com pitadas de humor, música autoral, trechos de canções de domínio público e um forte apelo em favor do rio em avançado processo de degradação.

A primeira noite da programação cultural das festividades do Bom Jesus 2022 em Penedo teve ainda apresentação do pastoril do bairro Santa Luzia, formado apenas por crianças que aprendem a dança tradicional com a professora Edenilda Vieira.

Outro grupo folclórico que deu show na Praça Comendador Peixoto foi o Quebra Coco do Tabuleiro dos Negros, mantido há 18 anos por Adalberto Cristovão dos Santos, o Mestre Belo, filho do Mestre Guerreiro Manuel Galdino de Lima, já falecido.

Sob a liderança do Mestre Belo, adolescentes da comunidade remanescente quilombola dançaram coco de roda para o público que tem novas atrações no mesmo local, sempre a partir das 17 horas até sábado, véspera da procissão fluvial do Bom Jesus dos Navegantes.

Além de organizar e promover a programação cultural, a SEMCLEJ Penedo paga cachê aos artistas e grupos participantes, assim como aos donos das canoas que emprestam a embarcação para a Exposição de Velas.

A gestão Crescendo Com Seu Povo também viabiliza, por meio da Secretaria Municipal de Cultura, toda a estrutura da Praça da Fé e mobiliza setores como Departamento de Comunicação, Secretaria de Saúde, SMTT, SIPE, Sedetur, Guarda Patrimonial e Secretaria de Serviços Públicos para a maior romaria religiosa de Alagoas e da região do Baixo São Francisco.

Texto: Fernando Vinícius – Decom PMP

Foto: Deywisson Duarte

Artigos relacionados
Cotidiano

Barra de Santo Antônio inicia vacinação contra a COVID-19 em crianças de 5 a 11 anos, nesta terça-feira (18); confira a documentação

Nesta terça-feira (18), a Prefeitura Municipal da Barra de Santo Antônio, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, deu início…
Cotidiano

Penedo foi palco de mais um grande evento esportivo

Atletas profissionais e amadores de futevôlei reuniram-se em Penedo, no fim de semana passado, para participar de mais um grande…
Cotidiano

IGPS realizou hoje mais uma ação de saúde em Boca da Mata

O Instituto de Gestão de Política Públicas Sociais (IGPS) realizou hoje, no município de Boca da Mata, mais uma grande…

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *




Enter Captcha Here :