NEGÓCIOS

Estados Unidos: setor de aluguel de carros desponta e tem alta demanda em 2022

O setor de viagens e turismo está voltando e deve movimentar US$ 2 trilhões na economia norte-americana neste ano de 2022, superando até mesmo 2019, ano pré-pandemia, quando movimentou US$ 1,9 trilhão. Os índices foram fortemente influenciados pela movimentação de turismo doméstico, já que os americanos começaram a viajar internamente durante o período da pandemia da Covid-19.

A expectativa é de que os gastos de turistas domésticos nos Estados Unidos fechem com alta de 40,4% em 2021, com a expectativa de crescer mais 22,9% até o fim de 2022. Culturalmente, o turista local que visita a Flórida tem por hábito alugar veículos ou solicitar os serviços de transporte “Limo Service” ou “Transfer” — e é justamente por essa razão que temos percebido um aumento considerável na procura.

O transporte de passageiros com motorista vem crescendo muito, principalmente porque clientes de diferentes estados norte-americanos que estão chegando na Flórida querem visitar parques temáticos como Walt Disney World e Universal Orlando Resort — e para isso optam pela comodidade de não ter de dirigir.

Já os gastos de turistas estrangeiros, que também começam a voltar ao país desde a reabertura das fronteiras no final do ano passado, devem crescer bem menos, cerca de 2,0% neste ano, devido às restrições adotadas ao longo de grande parte de 2021 e a desvalorização das moedas frente ao dólar.

Isso também vale para o Brasil. Em relação ao aluguel de veículos, as estatísticas do setor são anualmente apuradas e divulgadas pela Associação Brasileira das Locadoras de Automóveis (ABLA), com o aval do Serviço Federal de Processamento de Dados (Serpro). Conforme a entidade, entre 2020 e 2021, anos fortemente marcados por medidas de isolamento, o turismo respondeu por 48% do uso frota das locadoras, com predominância de clientes de dentro do próprio país.

Por fim, em minha opinião, o turismo nesse ano de 2022 e no ano subsequente certamente contribuirá muito para a recuperação da economia dos EUA. A Flórida, em particular, vem liderando essa recuperação no país por conta de sua política de reabertura antecipada.

Desta forma, o segmento de viagens, lazer e/ou negócios, que incluem os hotéis, restaurantes, companhias aéreas, parques temáticos e locadoras de veículos, já começa a experimentar uma retomada significativa nas suas atividades.

Artigos relacionados
NEGÓCIOS

Entrada de turistas estrangeiros no Brasil cresce 14,8% em maio na comparação ao mesmo período de 2023

mundo voltou a olhar o Brasil e reconhecer seu potencial turístico. É o que demonstra o mais recente dado de…
NEGÓCIOS

Mexicana de Aviación encomenda 20 jatos E2 da Embraer

A Mexicana de Aviación, companhia aérea estatal do México, fez um pedido de 20 jatos E2 da Embraer (NYSE: ERJ;…
NEGÓCIOS

Nova rodada do Programa de Aceleração do Turismo Internacional está com inscrições abertas

Companhias aéreas brasileiras ou estrangeiras interessadas em ampliar a conectividade aérea de novos voos internacionais para o Brasil já podem…

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *




Enter Captcha Here :