GASTRONOMIA

Jovens do projeto Chef Aprendiz Vila Andrade apresentam pratos dignos de restaurante

Que tal um menu com pratos que já poderiam fazer parte do menu de chefs renomados? Começa com uma entradinha de nachos com creme de abacate e vinagrete de feijão-fradinho, seguido de capeletti recheado com carne seca e abóbora ao molho de tomates defumados, de dar água na boca, e finalizando o cardápio, duas sobremesas se destacam, a cocada de forno com sorvete de baunilha artesanal e o crumble de pêra com sorvete de banana artesanal.

Estes foram os pratos campeões que compuseram parte do menu apresentado pelos três grupos do evento que marca o encerramento do ciclo de oficinas do Chef Aprendiz Vila Andrade, 9ª edição do projeto com o patrocínio master via lei de incentivo pelo Pro-Mac da rede atacadista holandesa Makro. O evento aconteceu no dia 20 de fevereiro, no Renaissance São Paulo Hotel, que cedeu a cozinha e toda a infraestrutura necessária para realização da final e que promove e abraça ações como esta. O Chef Aprendiz conta com um ciclo de oficinas com atividades voltadas para habilidades socioemocionais, trabalho em equipe, introdução ao universo da gastronomia, técnicas culinárias e mercado de trabalho. A finalidade principal é desenvolver pessoas, utilizando a gastronomia como fio condutor de todo o currículo ao longo do processo que dura aproximadamente um semestre visando empoderar os jovens para ingressarem no mercado de trabalho de forma mais segura e preparada.

Além dos pratos, Jefferson Silva Santos, André Luiz Pereira Lima e Victoria Santos Silva foram os ganhadores individuais, que tiveram seus desempenhos avaliados pelo time do projeto em todas as oficinas desta edição. Mas neste dia, todos os participantes também foram avaliados por uma banca de jurados composta por chefs de cozinha e donos de restaurantes com a intenção de contratá-los. A avaliação inclui diferentes critérios como criatividade, sabor, temperatura e apresentação dos pratos. Entre os jurados estavam representantes do Casa Santo Antonio, Restaurante 31, La Minuta, Renaissance Intercontinental e Emiliano. Os comentários dos chefs durante a avaliação dos pratos foram unânimes: tanto a apresentação, quanto o sabor, estavam em um nível muito alto.

Durante cerca de 5 horas, os jovens ficaram no preparo de suas receitas, participaram de uma dinâmica relaxar e aquecer os corpos e, antes de iniciar a etapa de finalização e apresentação dos pratos, todos ganharam uma dolmã, vestimenta que profissionais que trabalham em cozinhas usam.

Neste dia, por meio de um representante, o Makro Atacadista presenteou todos os jovens da edição com uma sacola repleta de produtos da marca voltados ao universo da cozinha italiana. A marca Oster® participou da premiação dos jovens ganhadores doando eletroportáteis incríveis. A AVSC Audiovisual cuidou de todos os aparatos de som, TV e microfones e o Quintal das Artes cedeu toda a cerâmica para elevar ainda mais a apresentação dos pratos.

“É muito lindo ver todo o desenvolvimento desses jovens. Ficamos com eles por pelo menos seis meses, preparando-os para o futuro mercado de trabalho. Mas mais do que isso: todo o trabalho que desenvolvemos no Chef Aprendiz vai muito além das aulas de gastronomia. Ele serve de base para podermos formar futuros cozinheiros e cidadãos para o mundo, pois olhamos o indivíduo por completo”, comenta Beatriz Mansberger, fundadora do projeto.

Durante toda a jornada de aprendizado, os jovens tiveram a oportunidade de frequentar oficinas de culinária e disciplinas que fazem parte deste universo, além de participarem de atividades voltadas para habilidades socioemocionais e para o mercado de trabalho. “Oferecemos todo o suporte nos primeiros passos desta transição para a vida adulta”, comenta Beatriz.

O projeto, que atua desde 2015 com oficinas semanais em comunidades da cidade de São Paulo, já formou mais de 130 alunos e tem como principal missão desenvolver e capacitar jovens em situação de vulnerabilidade e encaminhá-los para trabalharem em cozinhas de estabelecimentos parceiros.

Protocolos de higiene e segurança

O projeto Chef Aprendiz reitera seu compromisso com a preservação da saúde e a integridade dos jovens durante todas as aulas e a competição final. Para garantir um ambiente saudável, toda a equipe e alunos recebem equipamento de proteção individual, além de ser indispensável a medição corporal antes da entrada nas oficinas e comprovante de vacina.

Chef Aprendiz Comunidades

Somos um projeto de desenvolvimento humano e inserção social que usa a gastronomia como tema central. Capacitamos jovens em situação de vulnerabilidade social para conseguirem seu primeiro emprego em cozinhas de parceiros. Ao longo de quase seis meses, aproximadamente 20 jovens vivenciam aulas teóricas e práticas sobre gastronomia e autodesenvolvimento de modo a prepará-los para o mercado e para a vida. Uma competição final coloca à prova os conhecimentos adquiridos durante as oficinas, e encerra o processo com chave de ouro. Os jurados presentes oferecem vagas de empregos para os jovens que querem iniciar uma carreira como auxiliar de cozinha.

Já atuamos em oito comunidades (Paraisópolis, Campo Limpo, Glicério, Jd. Colombo, Valo Velho, Capão Redondo, Chuvisco e Liberdade) e 90% dos alunos receberam pelo menos uma oportunidade na área. Alguns iniciaram carreira na cozinha e seguiram por outros caminhos, como enfermagem, engenharia e psicologia. Temos aproximadamente 74% dos jovens trabalhando ou participando de entrevista, mesmo com o cenário da pandemia. Para saber mais: assista o vídeo e visite o site.

Casa Chef Aprendiz

Recém inaugurada, a Casa Chef Aprendiz é um espaço que conta com atividades de reciclagem e apoio psicológico aos jovens que já passaram pelo projeto, além de cozinha de pré-produção para eventos. Pensando no mundo digital e nas demandas do mercado, temos também uma cozinha-modelo para a produção de conteúdos digitais para marcas parceiras e para realização de workshops. A ideia é que esta casa seja ocupada por nossa equipe, jovens, parceiros e amigos com a finalidade de fortalecer os nossos vínculos e sustentar nossas ações no longo prazo.

Foto: Divulgação

Artigos relacionados
EVENTOSGASTRONOMIA

Festival em Pirenópolis (GO) reúne jazz, gastronomia e premia vinhos do Cerrado

Degustações orientadas de vinhos premiados – com destaque para a produção goiana e do Distrito Federal -, palestras com especialistas,…
GASTRONOMIA

Concurso Comida di Buteco se torna patrimônio cultural do Rio

O concurso Comida di Buteco, que está em sua 24ª edição nacional com o lema Somos Todos Buteco, se tornou…
GASTRONOMIA

Pelotas (RS) recebe título de Capital Nacional do Doce

A cidade de Pelotas (RS) se tornou oficialmente a Capital Nacional do Doce. O título, concedido pelo Governo Federal, por…

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *




Enter Captcha Here :