ALAGOAS

Programa Escola do Turismo para o mercado de trabalho em Alagoas

Visando estreitar a relação entre empresas do setor turístico e os formandos dos cursos gratuitos do Programa Escola do Turismo, a Secretaria de Estado do Turismo de Alagoas (Setur) lançou, nesta segunda-feira (30), o Banco de Talentos. A plataforma foi estruturada para integrar profissionais recém-formados pela iniciativa do Governo de Alagoas no mercado de trabalho do estado.

O programa tem capacitado milhares de alagoanos em uma variedade de cursos relacionados ao turismo, desde atendimento ao turista, aperfeiçoamento de garçom, camareira, elaboração de drinks e diversas outras temáticas. Agora, a Setur dá mais um passo para promover ativamente a inserção desses formandos em posições de emprego dentro do cenário turístico do estado.

Para a secretária de Estado do Turismo de Alagoas, Bárbara Braga, a iniciativa reforça o intuito do programa que já ofertou cerca de 2.500 vagas.  “Este é um passo importante em nosso compromisso de fornecer oportunidades significativas para os talentosos formandos do Programa Escola do Turismo. Ao criar essa plataforma, estamos construindo uma ponte direta entre os profissionais recém-formados que buscam emprego e as empresas que desejam contratar profissionais qualificados. Assim, a gente consegue consolidar o setor do turismo como uma excelente ferramenta de transformação social, gerando cada vez mais emprego e renda para os alagoanos”, explicou a secretária de Estado. 

O funcionamento do Banco de Talentos é simples: as empresas que desejam contratar profissionais podem entrar em contato com a Setur enviando um e-mail para escolaturismo@setur.al.gov.br. A solicitação deve incluir informações como o nome da empresa, telefone e e-mail para contato, município em que a empresa está localizada, bem como detalhes sobre quais profissionais estão sendo buscados e o número de vagas disponíveis em cada área.

A equipe da Setur trabalhará em estreita colaboração com as empresas contratantes para entender suas necessidades específicas e, em seguida, identificar candidatos do Programa Escola do Turismo que melhor atendam a essas demandas. Esta abordagem personalizada pretende facilitar a combinação entre as habilidades dos formandos e as necessidades do mercado de trabalho, além de atender ainda à Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais (LGPD).

As informações pessoais dos concluintes dos cursos só serão compartilhados com as empresas caso o profissional expresse interesse na vaga e autorize o envio das suas informações pessoais para andamento dos trâmites de contratação. A secretaria ressalta que todos os processos seletivos são realizados pelas próprias empresas e os critérios de triagem seguem as políticas de cada empreendimento.

Por: Agência Alagoas

Artigos relacionados
ALAGOAS

Alagoas conquista dois voos extras de Portugal para o Réveillon

Para seguir fortalecendo o turismo internacional, o Governo de Alagoas, por meio da Secretaria de Estado do Turismo (Setur), vem…
ALAGOAS

Governo de Alagoas e ONU-Habitat renovam parceria em prol da prosperidade urbana

O ONU-Habitat e o Governo de Alagoas apresentaram na quarta-feira (10) a nova fase do Visão Alagoas 2030, uma parceria…
ALAGOAS

Número de voos no Aeroporto Internacional Zumbi dos Palmares cresce 28% em agosto

Alagoas segue com crescimento expressivo no mercado turístico. De acordo com os dados divulgados pela Aena Brasil, atual empresa administradora…

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *




Enter Captcha Here :