CIA AÉREAS

Latam e Air France ampliam conectividade aérea internacional do Brasil

Joanesburgo na África do Sul, Paris na França, Milão e Roma na Itália, Madri na Espanha, Lisboa em Portugal, e Orlando e Los Angeles nos Estados Unidos ganharam voos diretos para o Brasil. O aumento na conectividade de oito metrópoles em três continentes diferentes com o país é resultado de uma parceria entre a Embratur e as companhias aéreas Latam e Air France.

A Latam operará os voos de Joanesburgo, Milão, Roma, Madri, Lisboa, Orlando e Los Angeles para o aeroporto de Guarulhos, em São Paulo. Já a Air France vai operar a rota entre Paris e Salvador. Em ambos os casos, os voos terão início em outubro e as passagens já estão disponíveis nos sites das aéreas. 

Segundo o presidente da Embratur, Marcelo Freixo, o aumento da conectividade é resultado de uma estratégia ambiciosa da Agência, em parceria com as companhias aéreas. “Nós da Embratur temos trabalhado para atrair cada vez mais voos internacionais para o Brasil, e essas novas conexões são frutos desse empenho que temos tido desde o início da nossa gestão. Os diálogos constantes com a Air France e a Latam estão se transformando em grandes parcerias como essas, com mais turistas estrangeiros conhecendo o Brasil, gerando mais emprego e renda para nossa população”, destacou.

Freixo lembrou ainda que falta uma semana para o encerramento das inscrições no edital do Programa de Aceleração do Turismo Internacional (PATI). O programa prevê a realização de parceria público-privada com as companhias aéreas e aeroportos para a ampliação no número de assentos e voos internacionais com destino ao país. “É outra ação importante, inédita, para fortalecermos nossa conectividade, para que o mundo venha conhecer o Brasil”, lembrou.

Sete rotas
No caso dos novos voos da Latam, a ampliação dos destinos será de quatro para sete na rota de Orlando, de três para quatro para Los Angeles, de três para cinco no trecho de Joanesburgo, de cinco para seis com Milão, a mesma quantidade para o trajeto Roma-Guarulhos, de sete para 10 no caso de Madri, e de sete para oito na rota de Lisboa a partir de 28 de outubro, até chegar a 11 voos semanais a partir de 9 de dezembro.

Todas as rotas serão operadas por aeronaves de longo alcance com dois corredores com capacidade para até 410 passageiros, como é o caso do Boeing 777. A companhia passará a operar as novas rotas a partir de 27 de outubro. E antes, em 1º de junho, a empresa também vai inaugurar a rota Santiago-Brasília com três voos semanais a bordo do Airbus A320, com capacidade para 174 passageiros, e do Airbus A321, com capacidade para 220 passageiros. 

“A Latam é a companhia de confiança dos brasileiros na hora de programar a sua viagem internacional. É também a porta de entrada do Brasil para quem embarca em 90 aeroportos no exterior. Esses aumentos de voos ampliam as opções de viagens de longo curso para esses dois públicos viajantes”, afirmou Aline Mafra, diretora de vendas e marketing da aérea no país.

Paris-Salvador
A partir de 28 de outubro, a capital baiana receberá voos da capital francesa três vezes por semana. Salvador será o quinto destino da Air France no Brasil, que hoje opera em São Paulo, Rio de Janeiro, Fortaleza e Belém. Os voos na primeira capital do Brasil estarão disponíveis às segundas, quintas-feiras e aos sábados, e terão duração de cerca de dez horas. A aeronave escalada para as operações é o moderno Airbus A350, com capacidade para 324 passageiros.

O diretor geral do Grupo Air France-KLM na América do Sul, Manuel Flahault, lembrou que a companhia tem fortalecido a conexão entre a França e estados do Nordeste brasileiro. “Estamos muito felizes com este novo marco para a Air France no Brasil, que vem logo após o anúncio de nossa expansão em Fortaleza. A operação em Salvador reflete o compromisso e a confiança da companhia com o mercado brasileiro. O país foi um dos que mais recebeu investimentos da Air France nos últimos meses, o que ajuda a fomentar empregos, negócios, lazer e turismo no Brasil”, destacou Flahault.

“Ressalto que a implementação dos voos em Salvador foi um esforço conjunto, liderado pela Air France ao lado do Governo da Bahia, da Vinci Airport e da Embratur, a quem agradecemos pelo apoio”, completou o executivo. 

O governador da Bahia, Jerônimo Rodrigues, também comemorou a nova rota. “Agora, a Bahia vai estar ainda mais próxima da França. Nós recebemos e apoiamos esse voo com imensa alegria, porque significa mais desenvolvimento e fortalecimento do turismo e, consequentemente, da nossa economia, gerando mais emprego e renda para o nosso estado”, afirmou o governador.

Artigos relacionados
CIA AÉREAS

GOL inicia venda de voos operados em codeshare com a Azul

Os Clientes da GOL já podem adquirir bilhetes de voos operados pela Azul por meio do acordo comercial de codeshare…
CIA AÉREAS

TAP serve a Madeira há 60 anos

O voo inaugural aconteceu a 8 de julho de 1964. Segundo as crônicas da época, o relógio marcava 11h24 quando…
CIA AÉREAS

Avianca retornará a voar entre Chicago e Bogotá, Colômbia

A Avianca, com sede na Colômbia, retomará o serviço entre Chicago O’Hare e Bogotá em 27 de outubro, após um…

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *




Enter Captcha Here :