MEIO AMBIENTE

Mata Atlântica e suas riquezas em biodiversidade

A Mata Atlântica é um dos mais importantes biomas terrestres e uma região rica em biodiversidade. De acordo com o Ministério do Meio Ambiente e Mudança do Clima (MMA), estima-se que ela é abrigo de mais de 20 mil espécies de árvores e arbustos (35% das espécies existentes no Brasil), sendo 8 mil delas endêmicas à região. Suas florestas centenárias enchem os olhos e o coração de quem a visita nos vários cantos do país, já que é amplamente encontrada na costa brasileira.

Esse bioma diverso é essencial para a vida urbana, já que fornece serviços ecossistêmicos como produção, regulação e abastecimento de água; regulação e equilíbrio climáticos; proteção de encostas e atenuação de desastres; fertilidade e proteção do solo; produção de alimentos, madeira, fibras, óleos e remédios; além de, claro, ser palco para patrimônios históricos e raízes culturais.

O ecoturismo ou turismo de natureza tem sido um importante agente de preservação ambiental, promovendo a visitação responsável e sustentável nessas áreas naturais, fornecendo uma conexão direta entre as pessoas e o meio ambiente, e gerando benefícios econômicos para as comunidades locais. No dia 27 de maio, quando comemoramos o Dia Nacional da Mata Atlântica, a Agência de Notícias do Turismo chama a atenção para a contribuição valiosa da atividade turística na preservação deste importante bioma no Brasil.

Segundo pesquisa divulgada pelo Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), com o apoio do Ministério do Turismo, o ecoturismo tem sido responsável por 60% do faturamento do turismo. Ao permitir que os visitantes experimentem a beleza e a diversidade das florestas e de parques naturais de maneira consciente, esse segmento ajuda a sensibilizar as pessoas para a importância da preservação ambiental. Além disso, oferece uma fonte de renda alternativa para as comunidades que vivem nessas áreas, incentivando a conservação desses ecossistemas em vez de sua manipulação ou desmatamento.

COP 30

No próximo ano, o Brasil sediará, na cidade de Belém (PA), a COP 30, um importante evento internacional que vai mobilizar representantes de todo o mundo na discussão de medidas urgentes que ajudem na preservação das riquezas naturais.

Artigos relacionados
MEIO AMBIENTE

Inscrições para Prêmio Braztoa de Sustentabilidade 2024 terminam na segunda-feira (24)

Faltam poucos dias para o encerramento das inscrições no Prêmio Braztoa de Sustentabilidade 2024. Até a próxima segunda-feira, dia 24…
MEIO AMBIENTE

Brasil amplia em 16% número de praias e marinas indicadas para receberem a Bandeira Azul

Em mais um ano consecutivo, o Brasil deve ter número recorde de praias e marinas aptas a receberem a certificação…
MEIO AMBIENTE

Embratur e Instituto Semeia assinam acordo para promoção internacional de parques naturais do Brasil

A Embratur assinou um Acordo de Cooperação Técnica (ACT) com o Instituto Semeia, organização filantrópica que trabalha para promover a…

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *




Enter Captcha Here :