Destaques

Brasil tem melhor abril da história para o turismo internacional

A receita do Brasil com turismo internacional cresceu 37,1% no mês de abril, em relação ao mesmo período do ano passado, e bateu um novo recorde. Visitantes de outros países deixaram US$ 620 milhões (R$ 3,220 bilhões) na economia brasileira no quarto mês de 2024. Este é o maior valor da série histórica iniciada em 1995. Em abril de 2023, o registro foi de US$ 452 milhões.

No primeiro quadrimestre de 2024, o valor das entradas de divisas internacionais no turismo também bateu todos os registros da série histórica, com um crescimento de 23,8% em relação ao mesmo período do ano passado. Na soma de janeiro, fevereiro, março e abril, turistas de outros países deixaram US$ 2,6 bilhões na economia do país, melhor marca já registrada. No ano passado, as entradas do acumulado nesse período foram de US$ 2,1 bi.

Além disso, comparando o primeiro quadrimestre de 2024 com o quadrimestre inicial de 2019, ano pré-pandêmico, o aumento foi de 17,6%, conforme explicou o ministro do Turismo, Celso Sabino. “Estamos vivendo um momento espetacular para o turismo do Brasil. Nosso país está se destacando e a prova disso são os números crescentes na entrada e no gasto de estrangeiros no país. Vamos continuar apostando na imagem positiva que o Brasil tem, mostrando para o mercado internacional todo nosso potencial turístico, as belezas e atrativos belíssimos que só é possível encontrar aqui”, destacou.

O presidente da Embratur, Marcelo Freixo, destacou a importância da atividade turística no PIB brasileiro. “Quando falamos dessa arrecadação, falamos de emprego e renda. E esse ano já temos a melhor arrecadação para um quadrimestre da história com o turismo internacional. Isso a gente consegue por conta de um trabalho coletivo, da Embratur e de todo o trade turístico”, avaliou, antes de destacar que o potencial de crescimento é ainda maior.

CHEGADA DE TURISTAS – O Brasil fechou o primeiro quadrimestre de 2024 com alta de 7,4% no número de turistas internacionais em relação ao mesmo período do ano passado: foram 2,92 milhões de turistas este ano contra 2,71 milhões em 2023. Esse foi o terceiro melhor quadrimestre da história, atrás apenas de 2018 (3,10 milhões) e 2017 (2,99 milhões). Os dados, calculados em parceria da Embratur com o Ministério do Turismo (MTur) e a Polícia Federal (PF), reforçam a tendência de crescimento.

Marcelo Freixo fez uma projeção positiva para o restante do ano. “Tivemos um 2023 de recuperação a níveis de pré-pandemia de chegada de turistas e já batemos recorde de receita com o turismo. Em 2024, os números mostram uma curva de crescimento consolidada. Devemos fechar o ano com resultados muito positivos. E essa entrada crescente de turistas significa mais investimento no Brasil, mais dinheiro girando na nossa economia”, declarou.

Artigos relacionados
Destaques

Quadrilhas juninas são oficializadas como manifestações culturais nacionais

As quadrilhas juninas, tradicionais grupos de danças típicas das celebrações dessa época do ano, foram oficialmente reconhecidas como manifestações culturais…
Destaques

SP quer desenvolver rota transcontinental indígena no estado

O Governo de São Paulo, por meio da Secretaria de Turismo e Viagens do Estado de São Paulo (Setur-SP), assinou…
Destaques

Ferramenta Amazonas To Go auxilia turistas na hora de garantir presentes regionais

Comprar presentes e souvenirs para família e amigos faz parte da programação de muitos viajantes que querem levar mais que…

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *




Enter Captcha Here :