CIA AÉREAS

Emirates, IATA e Airbus se unem para lançar nova formação em A350 para pilotos

A Emirates e a Associação Internacional de Transporte Aéreo – IATA, além da Airbus se uniram para lançar um novo programa avançado de Formação e Avaliação com Base em Competências (FABC) destinado a pilotos, para aparelhos A350.

“Esta iniciativa surge no momento em que a companhia aérea se prepara para a entrega de 65 aeronaves A350, a partir de meados de 2024. Um grupo inicial de 256 pilotos será formado como parte do novo curso, que decorrerá na Escola de Formação da Emirates, no Dubai, a partir de julho de 2024”, lê-se num comunicado divulgado pela companhia aérea do Dubai.

Este novo programa de formação para pilotos utiliza “a metodologia de formação FABC, que combina os princípios e a documentação da IATA com a experiência e os recursos operacionais da Emirates, assim como a experiência da Airbus na formação FABC do A350, que se estende há mais de 10 anos”.

“Orientado para a competência e comportamento dos pilotos, o programa FABC A350 utiliza a filosofia de formação FABC comprovada, que permite aos instrutores avaliar a formação dos pilotos e procurar melhorias imediatas no seu desempenho. O programa decorrerá em duas fases e incluirá 20 dias de formação em simulador e avaliação, distribuídos por 15 sessões separadas”, acrescenta a informação divulgada.

Segundo Bader Al Marzooqi, vice-presidente Sénior da Emirates para a Formação de Voo, com este programa, “os pilotos da Emirates recebem formação interna baseada em competências com instrutores altamente qualificados, para desenvolver capacidades de excelência que lhes permitam apoiar as operações globais da companhia aérea”.

“O programa FABC personalizado para o A350 apoia a integração do novo avião na nossa frota, com 1.000 pilotos prontos para completar esta formação de qualificação para o tipo A350. Esta última iniciativa faz parte do compromisso da Emirates em oferecer os mais elevados padrões de serviço e conforto, apoiando simultaneamente o nosso crescimento e expansão operacional”, acrescenta o responsável da Emirates.

Já Nick Careen, vice-presidente Sénior da IATA para as Operações, Segurança e Proteção, considera que esta formação é “uma oportunidade única”, uma vez que combina “a experiência da Emirates, da Airbus e da IATA para conceber e oferecer formação de qualificação de A350”.

“O nosso objetivo é utilizar todos os benefícios da FABC para qualificar os pilotos do A350 da forma mais eficiente e eficaz possível. E, ao fazê-lo em conjunto, as três organizações ganharão também uma experiência valiosa que poderá reforçar as suas outras atividades de formação”, refere o responsável da IATA.

O programa de qualificação do tipo A350 é uma das formas como a Emirates está a preparar a entrada em serviço do seu novo A350, sendo que, além da formação de pilotos, também outras áreas da companhia aérea estão a trabalhar na preparação para a estreia das operações do A350, incluindo as equipas de Prestação de Serviços e Engenharia, entre outros departamentos.

Artigos relacionados
CIA AÉREAS

Air India introduzirá avião A350 em duas rotas dos EUA

A Air India começará a usar novas aeronaves Airbus A350-900 em duas rotas nos EUA nos próximos meses. A companhia…
CIA AÉREAS

GOL anuncia expansão da oferta de voos para a Região Metropolitana de Porto Alegre

A GOL Linhas Aéreas anuncia o aumento da oferta de voos entre a base aérea de Canoas (QNS), na Região…
CIA AÉREAS

Resgate aéreo alcança recorde histórico em 2024 com mais de 2,5 milhões de passagens emitidas com pontos

Com o número cada vez maior de brasileiros familiarizados aos programas de fidelidade, o resgate aéreo encerrou o primeiro semestre…

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *




Enter Captcha Here :