Notícias

MTur assina acordo de cooperação para o desenvolvimento do turismo com a Eslovênia

Brasil e Eslovênia assinaram um acordo de cooperação para o desenvolvimento do turismo entre os dois países. Com relações diplomáticas recentes, já que as embaixadas dos países foram abertas apenas em 2008 e 2010, respectivamente, o setor do turismo é uma excelente alternativa para intensificar o relacionamento e ampliar possibilidades de negócios.

Estavam presentes na assinatura da parceria, a embaixadora da Eslovênia no Brasil, Mateja Kracun, a ministra do Turismo, Tanja Fajon e o chefe da Assessoria Especial de Relações Internacionais do MTur, Heitor Kadri, que representou o ministro do Turismo Brasileiro, Celso Sabino.

Recebendo aproximadamente 6 milhões de turistas por ano, Brasil e Eslovênia tem características comuns na atividade turística: o grande foco de atuação no turismo verde e sustentável, além da paixão por esportes. Para Heitor Kadri, o acordo assinado é uma ótima oportunidade de difundir o turismo brasileiro na Eslovênia e na Europa.

“Temos potencialidades comuns nos gostos e nas preferências turísticas. Tenho certeza de que, se o turista esloveno gosta do turismo verde e sustentável, o Brasil é o melhor lugar para essa troca intercultural”, enfatizou.

O número de turistas eslovenos que visitam o Brasil cresceu mais de 50% do ano de 2022 para 2023, passando de 1064 para 1623. O de brasileiros conhecendo o país Europeu, por sua vez, também triplicou em relação ao ano de 2022, mostrando um crescente interesse entre os países.

PROMOÇÃO INTERNACIONAL – A movimentação de passageiros internacionais para o Brasil teve a melhor marca para o mês de maio na história. Foram mais de 1,9 milhão de passageiros em voos internacionais no período, 18,2% a mais que o registrado em maio de 2023. Os dados relativos à oferta de assentos internacionais, medida em assentos por quilômetro ofertados (ASK), também são positivos, com um aumento de 14,4% em relação a maio de 2023.

Para atrair mais voos internacionais para o Brasil, o governo federal lançou o Programa de Aceleração do Turismo Internacional (PATI). A iniciativa é fruto de uma parceria entre os Ministérios do Turismo, de Portos e Aeroportos e a Embratur, que atuaram em dois eixos: ampliação da oferta de assentos regulares em voos internacionais e melhoria da experiência dos turistas em aeroportos brasileiros.
Na primeira etapa, foram criados mais de 70 mil novos assentos ligando destinos internacionais ao Brasil. Espera-se que, ao fim dessa nova rodada, pelo menos 10.956 novos assentos sejam disponibilizados, totalizando assim 81.100 assentos.

Artigos relacionados
Notícias

Turismo na Bahia cresceu 7,3% no primeiro trimestre

O volume das atividades turísticas na Bahia cresceu 7,3%, no primeiro trimestre de 2024, em relação ao mesmo período de…
Notícias

Número de voos em Canoas é ampliado de 49 para 87 frequências semanais

Com vistas a aumentar a conectividade aérea no Rio Grande do Sul após o fechamento do Aeroporto Salgado Filho, em…
Notícias

MTur tem mais de 200 vagas de qualificação com inscrições abertas

Em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial do Paraná (SENAC-PR), o Ministério do Turismo está disponibilizando 223 vagas…

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *




Enter Captcha Here :